A Onipotência de Deus [Atributos de Deus]

A Onipotência de Deus [Atributos de Deus]

maio 11, 2018 1 Por Palavra em Prática

A onipotência de Deus refere-se a um ser de poderes ilimitados. Tudo que Ele quer Ele pode. O termo hebraico para onipotência é shaddai; no grego, pantokratõr. Não há lei alguma no universo que o impeça de fazer tudo o que queira fazer. Portanto, essa capacidade absoluta e inigualável chama-se onipotência, do latim “omni” (tudo) e “potência” (poder). Logo, onipotência de Deus fala que todo o poder está nas mães de Deus.

O homem, com a sua capacidade de realizar coisas, compreende que é possível, por meio da relação de causa e efeito, produzir algo. Ele realiza e faz. Há coisas que o são rápidas, e outras que levam algum tempo dentro da esfera de ação humana. Mas há outras que são impossíveis de realizar. O homem é limitado pelo tempo, pelo espaço, pela força e pelos recursos materiais de que dispõe; assim, nem mesmo o homem mais rico da terra pode deixar de envelhecer ou impedir sua própria morte, quando muito, pode retardá-la por meio de recursos médicos eficientes.




Tem um ditado que diz: “Querer é poder”. Trata-se apenas de um ditado otimista. Sabe-se, no entanto, que nem tudo o que se quer se consegue. Desse modo, ficam estabelecidas, no imaginário humano, as verdades que podem ajudá-lo a meditar na onipotência de Deus. A primeira verdade é que, de uma vontade (causa), pode-se fazer algo (efeito). A segunda verdade é que, por maior que seja a vontade, nem todas as coisas idealizadas podem ser feitas. A limitações humanas estabelecem um contraste absoluto com o poder de Deus. Ele tem vontade e faz, e não há nada que Ele não consiga fazer quando quer.:

E Jesus, olhando para eles, disse-lhes: Aos homens é isso impossível, mas a Deus tudo é possível (Mt 19.26).

Demonstração da Onipotência de Deus

A primeira demonstração da onipotência de Deus aparece em Gênesis 1.3, quando é declarado Fiat Lux, ou Yehi owr, ou, simplesmente Yehi, “haja”. “E disse Deus: haja luz. E houve luz” (Gn 1.3). “Tudo que o Senhor quis, ele o fez, nos céus e na terra, nos mares e em todos os abismos” (Sl 135.6). “Ah! Senhor Jeová! Eis que tu fizeste os céus e a terra com o teu grande poder e com o teu braço estendido; não te é maravilhosa demais coisa alguma” (Jr 32.17).

Com esse poder, trouxe de volta à vida o Senhor Jesus Cristo: “E qual a sobre-excelente grandeza do seu poder sobre nós, os que cremos, segundo a operação da força do seu poder, que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dos mortos e pondo-o à sua direita nos céus” (Ef 1.19,20). E ao Filho constituiu o sustentador de todas as coisas pela palavra do Seu poder (Hb 1.3).




A Onipotência de Deus Declarada e Demonstrada

Do primeiro ao último livro da Bíblia, a onipotência de Deus é declarada como demonstrada. Deus disse a Abraão, quando já estava avançado em idade, que ele seria pai de uma nação, mas Abraão não tinha filho. Pelas leis da natureza, não haveria menor possibilidade de isso acontecer, mas quem disse que ele seria pai foi o Deus todo-poderoso.

Sendo, pois, Abraão da idade de noventa e nove anos, apareceu o SENHOR a Abraão e disse-lhe: Eu sou o Deus Todo-Poderoso; anda em minha presença e sê perfeito. E porei o meu concerto entre mim e ti e te multiplicarei grandissimamente (Gn 17.1,2).

Temos aqui a declaração do que o Deus todo-poderoso fará. Ao ouvir que o anjo fazia a Abraão a declaração de que sua mulher teria um filho na velhice, Sara (que ouviu a conversa de trás da porta) sorriu. Sara duvidou dessa possibilidade, tanto para ela como para o marido. Então, o Senhor respondeu a Abraão: “Haveria coisa alguma difícil ao SENHOR? Ao tempo determinado, tornarei a ti por este tempo e Sara terá um filho” (Gn 18.14). “E concebeu Sara e deu a Abraão um filho na sua velhice, ao determinado, que Deus lhe tinha dito” (Gn 21.2). Portanto, temos aqui a demonstração do que o Deus todo-poderoso fez.

Deus: o único Ser livre em Sua vontade

Deus é o único ser absolutamente livre em Sua vontade. O homens não tem como querer tudo. A vontade do homem, por mais ousada que seja, não vai tão longe assim. Contudo, com Deus é diferente. Ele não sofre nenhum tipo de restrição.

Algumas citações bíblicas para comprovar isso.: “Mas o nosso Deus está nos céus e faz tudo que lhe apraz” (Sl 153.3). “(…) O meu conselho estará firme, e farei toda a minha vontade” (Ef 1.11). E quando faz, faz em abundância. Deus não depende de esforço para fazer o que quer, por isso, também não se cansa.: “Não sabes, não ouviste que o eterno Deus, o SENHOR, o Criador dos fins da terra, nem se cansa nem se fatiga? É inescrutável o seu entendimento” (Is 40.28).

Na força ilimitada do Seu poder, Deus está sempre pronto para surpreender, indo, muitas vezes, além do que se espera ou do que se possa imaginar.: “Ora, àquele que é poderoso para fazer muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera” (Ef 3.20). O que parece ser um conjunto de pleonasmos ou redundâncias é mais pura realidade. Deus uma verdadeira sobre de poder. João Batista atesta isso ao dizer para o seu público, à beira do rio Jordão, onde batizava.: “Destas pedras Deus pode suscitar filhos a Abraão”. Quando o povo construiu um bezerro de ouro para adorar, Deus mostrou-se disposto a destruir totalmente aquela gente e a dar início a uma nova nação. Moisés, no entanto, compadecido pelo povo, suplicou a Deus que o poupasse, e Deus o atendeu (Ex 32.10-14).




A onipotência de Deus e Sua natureza

No entanto, Deus só não pode fazer aquilo que se oponha à Sua natureza, por exemplo, mentir.: “Em esperança da vida eterna, a qual Deus, que não pode mentir, prometeu  antes dos tempos dos séculos” (Tt 1.2; Hb 6.18). Não pode ser infiel.: “Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo” (2 Tm 2.13). Deus também não pode ser tentado pelo mal.: “Ninguém, sendo tentado, diga: De Deus sou tentado; porque Deus não pode ser tentado pelo mal e a ninguém tenta” (Tg 1.13).

Deus não pode favorecer nada que se volte contra a sua natureza, por isso Ele não comunga com o pecado.

 

Leia também: A Onipresença de Deus!
Leia também: Atributos Comunicáveis de Deus!
Leia também: Harã Significado Hebraico!

Confira também o site de nosso parceiro: Vestir Bem Faz Bem – Moda Evangélica!