Os nomes de Deus

Os nomes de Deus.: Para a cultura do povo da velha aliança, o nome tem significado, exercendo íntima relação com o indivíduo que o usa. Assim, encontramos na Bíblia nomes, tanto de pessoas como de lugares, que exaltam ou envergonha, com é o caso de Nabal, “tolo”, um homem estúpido que fazia jus ao nome que o identificava (1 Sm 25.3). De Jacó, “enganador”, que não foi outra coisa na vida, senão enganador, até que Deus trocasse seu nome para Israel, “aquele que reina com Deus”, depois de um encontro que tiveram. Abrão, “pai das alturas”, teve o seu  nome mudado para Abraão, “pai de muitos”, afinal, “pai das alturas” é um nome que cabe somente a Deus. “Pai de muitos”, além de ser mais adequado a um ser humano, ainda combinava com sua história.

Os Nomes de Deus - JeováE quanto a Deus? Se o nome carrega consigo algum significado importante, então, é preciso que se tome muito cuidado com o nome de Deus. Além do mais, como seria possível um ser tão elevado caber em apenas um nome? Por essa razão, a Bíblia, no Antigo Testamento, apresenta vários nomes para Ele, dos quais o mais importante, que revela  Sua singularidade ontológica absoluta, é “Eu Sou” (Jeová). Nome impronunciável, veremos em outros estudos.

O fato da Bíblia nomear Deus indica um antropomorfismo, ou seja, um meio pelo qual Deus se aproxima do homem e torna-se acessível a ele, de forma que este possa compreendê-lo, ao menos, um pouco. Por meio do nome, Deus se autorrevela ao homem.

Vamos estudar detalhadamente cada um dos Nomes de Deus.

Os nomes de Deus:

  • El, Elohim, Elyon: “Senhor que faz pacto”. (Gn 1.1,2,26; Cl 1.16).
  • Adonai: “governar”, “julgar”, também “marido”. (Gn 24.9,10,12; Êx 4.10,12).
  • Shaddai e El-Shaddai: “Deus todo poderoso”.
  • Yahweh: “Senhor”.

Nomes compostos de Deus:

  • Jeová-Mekadesh: “Senhor Santo”. (Lv 20.8; Ez 37.38).
  • Jeová-Rapha: “O Senhor que sara”. (Êx 15.26).
  • Jeová-Tsidekenu: “Senhor, Justiça Nossa”.  (Jr 23.6).
  • Jeová-Jireh: “O Senhor Proverá”. (Gn 22.14).
  • Jeová-Shammah: “O Senhor está aqui”. (Ez 48.35).
  • Jeová-Nissi: “O Senhor é a nossa bandeira”. (Êx 7.8-15).
  • Jeová-Shalom: “O Senhor é a nossa paz”. (Jz 6.23,24).
  • Yahweth e Tsebhaoth: “O Senhor dos Exércitos”. (1 Sm 4.4; 17.45).
  • Jeová-Roi: “O Senhor é meu pastor”. (Sl 23.1).
  • Jeová-Olam: “Deus eterno”. (Sl 90.2).
  • Jeová-Gibor: “Deus poderoso”. (Is 9.6).

Leia também: A Bíblia condena o preguiçoso?
Leia também: A Sensibilidade de Deus!
Confira o site no nosso parceiro: Rambox Gravatas e Acessórios!




Os nomes de Deus
Classificado como:

2 opiniões sobre “Os nomes de Deus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *